sábado, 28 de fevereiro de 2009

E porque neste blog nem sempre se fala mal, ...


... hoje falamos bem.

Este velhote foi ontem foi ver Tara Perdida ao Batalha. Pois, não gosto apenas de 4AD, vozes celestiais como Cocteau Twins e Dead Can Dance. Um grande concerto.

Em Lx, Batata frita Pala-Pala

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Os Dias do Loureiro

Este Loureiro tem Dias. Uns na SLN, outros no Parlamento, outros no BPN, outros o Loureiro é Conselheiro, noutros tem negócios falhados com porto-riquenhos, tem Dias em que é atacado pelo Expresso, outros no Parlamento (outra vez???), noutros é sócio de um libanês chamado Abdul El-Assir traficante de armas, ainda noutros afunda a Redal ....
Pode ter falhas de memória, mas só em alguns Dias. Nós, comuns mortais que não somos politicos, quando nos faha a memória e deixamos os documentos do carro em casa, apanhamos uma multa. Ó Sr. Guarda, eu vou ali e já venho, ... mas nada, o moina não vai na conversa. Mas o Loureiro tem Dias em que pode voltar à cena do crim, desculpem, à cena do Parlamento.
Mas verifico agora que não só o povo gosta de ser enganado, sempre a votar na mesma corja: mesmo em São Bento, os gajos gostam de ser enganados - já o foram uma vez, e pelo menos mais uma vão ser, pelo mesmo artista.

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Rai's te fodam, Burro!

Muitas mãos do Yebda vês, muitas perspectivas tens, muitos comentários sobre as arbitragens (supostamente, de goela) não fazes.
Deixa lá, alguém te há-de levar ao colo até ao final no 1º lugar.

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Gaia, Cidade D' Ouro

Para quem? Ainda ontem um homem foi alvejado em Avintes, com um carro roubado em Canidelo. Uma casa é assaltada às 13:00, enquanto a familia almoça no piso inferior, no piso superior o ladrão lima tudo. Um casal pára o carro na praia para uns momentos de relax e lá vai mais um carro. Sequestro, violação e tiros na cabeça. Tráfico de droga nas traseiras da Esc. Sec. Inês de Castro em plena luz do dia.
Isto neste ano, aqui na zona, que se saiba, porque quem quiser saber de tudo, abre o JN e não faltam lá casos.
Gaia, terra de oportunidades, todas à margem da lei. Gaia, Cidade da Criminalidade.
Talvez fosse agora altura dos senhores da Gaia Social começarem a pensar, agora com a cabeça, e alterassem algumas das suas politicas. Para começar, bastava de bairros sociais de enormes dimensões, guetos de marginalização alimentadas pelo facilitismo da solução e pelos Rendimentos Minimos.
Talvez fosse agora altura da PSP começar a actuar. Já substituiu a GNR há alguns meses, e ainda nada fez.
Não era a solução, mas ajudava bastante.